Portagens tiram 14 mil viaturas por dia das ex-SCUT

Economia
Portagens tiram 14 mil viaturas por dia das ex-SCUT


As antigas SCUT do interior e do sul perderam quase 14 mil viaturas por dia no último mês de 2011, o primeiro com portagens.

As antigas SCUT do interior e do sul, portajadas desde 8 de Dezembro, perderam quase 14 mil viaturas por dia no último mês de 2011, indica um relatório do Instituto Nacional de Infraestruturas Rodoviárias (INIR).

Segundo o documento do Instituto Nacional de Infraestruturas Rodoviárias (INIR), relativo ao movimento nas auto-estradas no quarto trimestre de 2011 e divulgado este mês, as quatro concessões perderam, no total, 13.990 viaturas em cada dia do mês de Dezembro.

A Via do Infante (A22) movimentou diariamente, em Dezembro de 2011, 6.528 viaturas, correspondente a uma quebra, face a 2010, de 48,4%.

Aquela antiga SCUT do Algarve contabilizou menos 6.111 viaturas por dia, face ao mesmo mês de Dezembro de 2010 (12.639). Em Dezembro, mas de 2009, a Via do Infante registava um Tráfego Médio Diário (TMD) de 13.523 viaturas.

No entanto, a quebra naquela concessão já se vinha a agravar ao longo do ano, nomeadamente com descidas homólogas em Outubro (menos 12,5%) e Novembro (menos 16,5%).

Cenário semelhante verificou-se na A23, da concessão da Beira Interior, que também em Dezembro passou a ser portajada, reflectindo neste caso, no último mês de 2011, uma quebra de 30,9%. Após a introdução de portagens, aquela via passou de um TMD de 11.489 para 7.942 viaturas (menos 3.547).

Contudo, indica o mesmo relatório do INIR, a quebra já se tinha acentuado anteriormente, com menos 10,9% do tráfego em Outubro (face ao mesmo mês de 2010) e em Novembro, com menos 14,3%.

No caso da A24, da concessão Interior Norte, o mês de Dezembro representou uma quebra no movimento diário de 29,6%, com um total de apenas 4.641 viaturas.

Ou seja, menos 1.952 viaturas percorreram aquela auto-estrada após a introdução de portagens. Contudo, em Outubro (menos 12,2%) e em Novembro (menos 15%) também já se tinham registado quebras.

Na A25 (Beira Litoral/Beira Alta), o último mês de 2011 contabilizou um TMD de 10.861 face às 13.241 viaturas de 2010. Ou seja, uma quebra homóloga de 18%.

Apesar de perder 2.380 viaturas por dia em Dezembro, a descida no movimento registou-se ainda em Outubro (menos 8%) e em Novembro (menos 13,1%).